A internet e o politicamente correcto

15:49

Resultado de imagem para internet
Navegar na internet é uma das experiências mais interessantes e aposto que há imensas teses de psicologia versando esta temática. Ir para o facebook então é inacreditável, as pessoas esquecem completamente o que podem ou não dizer, a forma como se devem dirigir a outras pessoas, esquecem o politicamente correcto e usam da palavra para se atacar, muitas vezes de forma cruel e feroz, uns aos outros.

Já ninguém quer saber se o que diz pode magoar outras pessoas, frases são usadas como armas de arremesso e muitas vezes fazem mossas tão grandes que chegam a causar danos irreversíveis. Os chamados heróis de sofá, que se escondem atrás de uma tela para falarem de forma rude, alguns usando perfis falsos outros não tendo qualquer pudor em mostrar quem são, esquecem o respeito ao próximo e fazem comentários muitas vezes xenófobos, racistas, homofóbicos, enfim, destilam ódio para todo o lado. Vemos muitas vezes pessoas usando-se de pseudo-brincadeiras para dizerem coisas horríveis, deixando um rasto de mau estar por onde passam.

Tudo isto só me deixa triste, perceber que se perdem valores porque há quem pense que por estar num telemóvel ou num computador pode dizer qualquer coisa, indiscriminadamente e achar que ninguém tem que se sentir ofendido com as suas ofensas. As pessoas acham que o Facebook é uma selva e que prevalece a lei do mais forte. Eu não nasci para seguir ninguém e recuso-me a alinhar em carneiradas. Principalmente quando aqueles que se acham os reis da selva pensam que podem morder os calcanhares dos que não seguem as suas pisadas tentando que as pessoas, com medo de serem enxovalhadas, se retraiam e baixem a cabeça. Eu não sou assim, posso não ser líder mas não sou seguidora. Prefiro ser um lobo solitário a entrar nestas guerrilhas territoriais.

Falta muita consciência e (agora vou dizer uma coisa que se calhar criará controvérsia) etiqueta para se navegar na internet. Podemos não concordar todos com o mesmo mas podemos respeitar os outros, a menos que os outros só consigam destilar ódio por tudo e todos.

You Might Also Like

1 comentários

  1. É exatamente isso. Essa necessidade de dizer o que pensa sem se importar com os sentimentos das pessoas, é triste, deplorável. É impressionante como as pessoas estão cada vez mais egoístas.

    Super beijos,
    Neila Bahia - Blog Insanos Dezembros ♥

    ResponderEliminar